The CBMemes…

Por Neticia Regi Silva Benassi

No dia 16/05/18 participamos da nossa “loteria”…. Somente os que estavam como os 12 primeiros tinham seus lugare  s garantidos, a partir do 13 era apenas expectativa, e a cada nome chamado, quando era seguido por o silêncio, significava que a pessoa estava ausente e batia aquela alegria, pois significava esperança para conseguir uma vaga.

Isso parece um pouco brega, mas, após fazer o CBM um dos únicos sentimentos que nunca tivemos foi o de arrependimento. Nesse curso, tivemos sete aulas teóricas que nunca acabavam no horário, mas ninguém reclamava, pois afinal era conhecimento e troca de experiência que estava sendo passado naquele momento, mas sempre de uma forma simples, agradável, entre brincadeiras e teorias, aprendíamos cada vez mais.

 

 

Até que chegava a hora da saída do final de semana, onde ansiávamos por colocar em prática o conhecimento, onde sempre nos superávamos.

Ah…. a superação!!! Esse é o maior sentimento desse curso! A cada saída o comentário era “NOSSA!!! Nunca tinha feito algo assim na minha vida! ” E na próxima o desafio era maior, mais difícil, mais exigente e mais recompensador! E em cada um deles, novos aprendizados como decorar a letra da música popular brasileira PIRANHA, aprendemos novos jargões e expressões: BUNDA É VIDA! E também outras línguas: Mariposa IS THE BUTTERFLY OF THE NIGTH. Pois é. Também aprendemos ascensão, escalar em aderência, escaladas com várias enfiadas, vários tipos de nós, segurança, seg de guia, seg de segundo… E o que mais aprendemos e levaremos para a vida, foi compartilhar os momentos.

 

 

Essa é a oportunidade de compartilhar os momentos com pessoas incríveis, aprendemos a respeitar a individualidade de cada um, a se preocupar com o próximo, a respeitar o meio ambiente, dormir juntos no carro, dividir a janta e ter parcerias em todos os momentos, até nas flatulências…

Nossa turma foi tipicamente diferente… ah mas diferente por quê? Primeiro que “éramos 13” pessoas, e também porque a turma foi formada por 4 homens e 9 mulheres! Algo inédito na história do CAP, tantas mulheres juntas em uma única turma de CBM, esse é o nosso pioneirismo, mas, além de 13 pessoas incríveis da nossa turma, tivemos o prazer de conhecer e ser acompanhados por 19 super-homens e super-mulheres, (Renato, Eddie, Patricia, Edu, Marcelo, Rodrigo, Pedro, Cláudio, Vander, Ulisses, Wellington, Tatiana, Flávio, Marangoni, Luiz, Adilson, Erico, Theo, Cláudio) que nos guiavam nas saídas e não permitiram que fizéssemos nenhuma besteira. Pessoas que doaram seu tempo para nos ensinar e passar esses momentos únicos durante o curso, para eles, e para todos os membros da EGCAP, que nos passaram conhecimentos nas aulas teóricas, o Wellington, Eddie, Daniel, Tercio, Corneto e Artur, MUITO OBRIGADA(O)!!!!!!

A nossa vida mudou, com certeza…

E se recomendamos essa experiência???

SIM!!!

Só venham!!!

 

Os comentários estão encerrados.

Orgulhosamente feito com WordPress | Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑